Pão de triguilho

Não tem nada melhor do que um pão quentinho saindo do forno acompanhado de uma manteiga que derrete. Hummm… É de dar água na boca!!! Nós aqui em casa amamos um pãozinho caseiro. Tem quem acha difícil preparar um pão, vou te provar que é muito fácil só precisa seguir o passo a passo e não tem erro, pode confiar. Este pão de triguilho além de prático de preparar,  macio e super gostoso é um grande aliado ao combate à anemia, pois o triguilho é uma alimento rico em ferro, fibras, magnésio, ácido fólico, manganês, selênio e vitaminas do complexo B. Como se pode notar é um alimento muito saudável, uma ótima opção para incluir em sua dieta do dia a dia. Então…vamos lá, mãos à massa e prepare ainda hoje esta delícia de pão para saborear no lanche da tarde!!!!

Confira a receita:

Ingredientes

  • 50g de fermento biológico
  • 3 colheres sopa de açúcar
  • 1 colher sopa de sal (rasa)
  • ½ xícara chá de óleo
  • 1 xícara chá de leite morno
  • 1 xícara chá de trigo para kibe
  • 2 xícaras chá de água para hidratar o trigo para kibe
  • 8 xícaras chá de farinha de trigo


Em uma vasilha coloque o trigo para kibe e a água para hidratar deixe por aproximadamente 2 horas. Escorra a água e esprema o trigo em uma peneira,  reserve. Em outra  vasilha dissolva o fermento biológico no açúcar, acrescente o sal, o leite morno, o óleo e o trigo para kibe já hidratado misture. Aos poucos acrescente a farinha de trigo e sove bem a massa até o ponto de desgrudar das mãos. Se necessário acrescente mais farinha de trigo. Divida em pequenas porções e modele no formato desejado. Acomode-os em uma forma enfarinhada, cubra com um pano e deixe descansar até dobrar de tamanho.
Asse em forno médio por aproximadamente 50 minutos ou até dourar.

Rendimento :  30 pãezinhos.

Dika da Naka

  • Se quiser pode assar a massa em forma de pão de forma.
  • Para saber o ponto certo de colocar a massa no forno para assar, utilizo uma técnica muito antiga, que aprendi com a minha avó. Quando terminar de modelar os pães faça uma doninha do tamanho de uma bolinha de gude e coloque dentro de um copo com água e espere, quando a bolinha de massa subir e flutuar sobre a água é sinal de que está no ponto de colocar a massa para assar.
  • Em dias de temperatura muito quente prefira preparar a massa com o leite em temperatura ambiente. Se o ambiente estiver frio prefira fazer com o leite morno, CUIDADO, não quente para que a massa cresça mais rapidamente.

 

Salvar